quarta-feira - 16/06/2021
spot_img

Servidor aprova boa gestão de Jiguerê e vota pela continuidade

Na última sexta-feira, 07, os filiados ao Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Itumbiara (Sinditumbiara) elegeram a nova diretoria para o triênio 2019/2021. A chapa 1, encabeçada por Joca Festa, tendo na vice-presidência Alcione e na presidência do Sindiclube Odair Miguel, o Jiguerê, foi eleita com ampla maioria. 487 sindicalizados foram às urnas, com 474 votos válidos, cinco em branco e oito nulos. A chapa 1 recebeu 327 votos (68,98%) dos votos válidos e a chapa 2 recebeu 147 (31,01%).
Ao optar pela continuidade do trabalho da atual diretoria, o sindicalizado reconhece o esforço do atual presidente Odair Miguel “Jiguerê” que respondeu pelo sindicato por seis anos e agora estará no comando do Sindiclube. Em sua gestão, Jiguerê conseguiu revitalizar o clube, com a reforma e ampliação de suas instalações. Jiguerê recuperou as piscinas, com impermeabilização e novo vinil, construção da sauna a vapor, construção dos quiosques, instalação de Wi-Fi e manutenção de toda estrutura, tornando o clube um local agradável e procurado pelos servidores para curtir o fim-de-semana com seus familiares.
A atual gestão foi marcada por grandes eventos, como as festas em homenagem aos trabalhadores, reunindo milhares de pessoas e sorteio de prêmios. O sindicato também ofereceu vários cursos, treinamentos, abriu a academia, com aulas de musculação, zumba, ginástica, hidroginástica, natação, axé, escolinha de futebol e outras atividades físicas e recreativas. O sindicato oferece assessoria jurídica, consultas com nutricionista, planos de saúde (Ipasgo) e odontológico (Uniodonto), assessoria para declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) e vários outros serviços aos associados.
Para Jiguerê, a votação expressiva obtida nas urnas é o reconhecimento de todo esforço da diretoria, que trabalhou com afinco para recuperar o clube, ampliar o número de filiados, que hoje se aproxima de 2 mil e retornar o valor da contribuição através de serviços e da defesa do servidor, como na questão da efetivação dos agentes comunitários de saúde e de endemias e na luta pela aprovação do Plano de Carreira para o funcionalismo que está em andamento, conquista da taxa de periculosidade de 30% para vigilantes, bem como valorização do servidor e luta pelo pagamento em dia de salários e 13º.

VEJA TAMBÉM

SIGA NAS REDES

2,837FansLike
1,019FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

PUBLICIDADE

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img