quarta-feira - 16/06/2021
spot_img

Prefeitos de Panamá e Aloândia pedem benefícios e obras para suas cidades

Ao participar da audiência pública para debater a LDO do Estado, o prefeito de Panamá, Zé Willian (PL) apresentou diversas reivindicações do município junto ao governo de Goiás. Ele citou a reforma do Clube Recreativo, ampliação e reforma da Unidade Mista de Saúde, construção de casas populares, recapeamento de ruas, renovação da frota do transporte escolar e a Via dos Romeiros.

Segundo Zé Willian, essas reivindicações estão sendo levadas ao governo de Goiás e espera que possam ser contempladas no Orçamento. Ele cita a necessidade do investimento na saúde, orçado em R$ 1,1 milhão e a frota escolar, que deverá ser renovada em 2020. Quanto à construção de casas populares, diz que a Prefeitura já tem a área e precisa dos recursos para erguer as moradias. Em relação à Via dos Romeiros, conta que o projeto já está pronto e prevê a ligação da BR-153 até o Santuário do Divino Pai Eterno, garantindo a segurança e comodidade para os milhares de romeiros que visitam Panamá todos os anos. “Esse projeto de R$ 6 milhões, já está pronto junto à CODEGO, foi apresentado no governo passado, mas não seguiu adiante. Mas agora com o governo, com a nova legislatura, possamos executar essas reivindicações”, declarou Zé Willian.

ALOÂNDIA

O prefeito Sinomar José do Carmo “Prainha” apresentou como demandas a pavimentação da rodovia GO-213, que liga Aloândia à BR-153, citando que moradores de Aloândia não conseguem empregos na Usina CEM ou na universidade por falta de acesso e transporte. O asfalto vai beneficiar ainda Porteirão, Joviânia e Vicentinópolis. Sinomar cobrou recursos para construção de Aterro Sanitário, casas populares, instalação de Distrito Industrial, saneamento básico, legalização fundiária e sinalização na GO-040, que passa pelo município.

VEJA TAMBÉM

SIGA NAS REDES

2,837FansLike
1,019FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

PUBLICIDADE

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img