quinta-feira - 20/06/2024

Mulher faz denúncia de violência doméstica, mas acaba presa por documento falso

Após atender ocorrência de violência doméstica de uma mulher, a Polícia Militar de Bom Jesus, através do sargento Duarte, cabo Sandokan e soldado Rocha, acabou efetuando a prisão da vítima por falsificação de documento público.
Quando os policiais faziam o registro da ocorrência por violência doméstica, solicitaram os documentos à vítima. Ela apresentou uma CNH e documentos em seu nome e do seu padrasto que presenciou os fatos como testemunha, mas os PMs suspeitaram da veracidade da CNH.
Na checagem junto ao sistema, ficou demonstrado que as carteiras de habilitação não constavam no sistema, sendo falsas e em seguida a vítima da ocorrência anterior passou a ser autora e a testemunha, seu padrastro, passou a ser autor também. Os dois confessaram que compraram as habilitações de uma pessoa de Itumbiara pelo valor de R$ 2 mil cada. Diante do fato foi dado voz de prisão a eles em seguida levados ao hospital municipal para exame de corpo delito e autuados pelo crime de falsificação de documentos.

VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE

spot_img

spot_img