MPGO quer ampliar assessoria às promotorias da Região Sul – Plural Notícias

MPGO quer ampliar assessoria às promotorias da Região Sul

Promotores de Justiça das comarcas da região de Itumbiara reuniram-se nesta quarta-feira (28) com o procurador-geral de Justiça de Goiás, Aylton Flávio Vechi, e o subprocurador-geral de Justiça para Assuntos Administrativos, Cyro Terra Peres, para tratar de assuntos administrativos do Ministério Público de Goiás (MP-GO). Demandas relacionadas à estrutura de pessoal e às mudanças advindas da pandemia pelo coronavírus foram o tema central do encontro.

Vechi e Cyro falaram sobre a proposta de criação de novas funções auxiliares, com o objetivo de incrementar a força de trabalho, foco da atual gestão. O procurador-geral afirmou que o projeto está pronto, mas, diante da legislação (Lei Complementar 173/2020) que impede o aumento de despesas durante a pandemia, só poderá ser enviado quando houver revogação da lei ou a partir de 31 de dezembro de 2021, conforme descrito na norma.

O subprocurador-geral falou sobre o projeto de contratação de estagiários de pós-graduação. Cyro discorreu também sobre as iniciativas da administração que permitirão treinamentos de capacitação para o quadro de servidores.

A implantação dos autos extrajudiciais e administrativos digitais foi motivo de elogios pelos promotores presentes, que relataram maior agilidade e comodidade na realização de atos relativos à função.

Os avanços administrativos, como novos equipamentos, entre computadores, smartphones e veículos (estes dois com início de distribuição previsto para novembro), também foram destacados. “Parabéns para a administração, que tem atravessado muito bem a situação que estamos passando. Tem nos atendido muito bem em tudo o que precisamos e nos dado o aporte necessário”, afirmou o promotor de Justiça Luís Carlos Garcia (1ª PJ de Goiatuba).

Proximidade
O procurador-geral falou sobre a importância do contato entre os colegas, para colher in loco as necessidades e sugestões que visam a melhorar cada vez mais o desempenho da atividade-fim. “Momentos como este são muito ricos para a instituição e, para mim, o diálogo é fundamental, é momento de sintonia fina com quem faz o Ministério Público, que são vocês”, disse, dirigindo-se aos promotores que participaram da reunião. Vechi afirmou ainda que a modernização dos meios de comunicação e trabalho – previstos desde antes da pandemia – não pode suprimir encontros como o ocorrido em Itumbiara.

O PGJ aproveitou a ocasião para parabenizar a todos os servidores públicos, cujo dia é comemorado em 28 de outubro, abrangendo, no cumprimento, de servidores a membros do MP e das demais instituições, poderes e órgãos.

Presenças
Estiveram presentes no encontro os promotores de Justiça Arquimedes de Queiroz Barbosa (coordenador das PJs de Itumbiara), Ana Paula Sousa Fernandes (3ª PJ de Itumbiara), Clayton Korb Jarczewski (1ª PJ de Itumbiara), Cláudio Prata Santos (6ª PJ de Itumbiara), Cristhiano Menezes da Silva Caires (2ª PJ de Caldas Novas), Daniel Pinhel Júnior (1ª PJ de Bom Jesus de Goiás), Giordane Alves Naves (4ª PJ de Itumbiara), Guilherme Vicente de Oliveira (PJ de Pontalina), Jonisy Ferreira Figueiredo (3ª PJ de Morrinhos), José César Naves de Lima Júnior (7ª PJ de Itumbiara), Leandro Koiti Murata (PJ de Joviânia), Luís Carlos Garcia (1ª PJ de Goiatuba), Nelson Vilela Costa (1ª PJ de Morrinhos), Rodrigo César Bolleli Faria (PJ de Buriti Alegre), Rômulo Corrêa de Paula (3ª PJ de Goiatuba), Sávio Fraga e Greco (PJ de Cachoeira Dourada), Tais Caroline Pinto Teixeira Antunes (4ª PJ de Caldas Novas) e Vinícius de Castro Borges (5ª PJ de Caldas Novas). Participaram, por videoconferência, os promotores Cristina Emília França Malta (2ª PJ de Piracanjuba), Mônica Fachinelli da Silva (5ª PJ de Itumbiara) e Vinícius Marçal  (1ª PJ de Piracanjuba).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *