domingo - 11/04/2021
spot_img

Moradores de rua e andarilhos são cadastrados em ação social da prefeitura de Itumbiara

Uma ação social, organizada por equipes da Prefeitura de Itumbiara, foi feita na manhã desta terça-feira, dia 27, com moradores de rua e andarilhos. Profissionais da Funsol, a Fundação de Solidariedade, do CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência e Social) e da Diretoria de Turismo tiveram a parceria da Polícia Militar nas visitas, na Avenida Beira Rio e em outros pontos da cidade.

Os PMs conversaram primeiro com os moradores de rua e os andarilhos. Depois, os profissionais anotaram as informações de cada pessoa, fazendo um cadastro. De onde veio, porque está vivendo na rua, o grau de escolaridade e a qualificação profissional. Também foi checado se tem dependência de álcool ou drogas ilícitas.

Segundo o vice-prefeito de Itumbiara e presidente da Funsol, Daniel Borges, o objetivo é auxiliar essas pessoas, que estão em situação de vulnerabilidade social. O coordenador do CREAS, Carlos Alberto, explicou que uma das alternativas é ajudar as pessoas a voltarem a morar com as famílias, aqui em Itumbiara ou nas cidades onde viviam. Mas há outras possibilidades, como um novo trabalho e encaminhamento para tratamento de dependência química. A diretora de Turismo, Carol Palhares, lembrou que, para fazer um planejamento turístico, é preciso ter atenção com a parte social, com quem necessita de apoio do Poder Público. São os casos de moradores de rua e andarilhos.

Foto: Decom/Divulgação


Em Itumbiara, tem o Albergue Municipal, que acolhe moradores de rua e andarilhos. No prédio, no Bairro Afonso Pena, eles tomam banho, recebem quatro refeições por dia (café da manhã, almoço, lanche à tarde e jantar) e dormem. O prazo para ficar no local é de três dias. Mas o coordenador do Albergue, Amilton Roberto Andrade, disse que cada caso é analisado separadamente e há algumas pessoas que ficam mais tempo. A capacidade é para abrigar 18 pessoas, mas atualmente são nove. Um dos motivos é o distanciamento social por causa da pandemia do coronavírus.

Fonte e Imagens: Decom Itumbiara

VEJA TAMBÉM

SIGA NAS REDES

2,761FansLike
1,019FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

PUBLICIDADE

spot_img
spot_img
spot_img