sábado - 24/07/2021
spot_img

Governo de Goiás assina contrato com empresas que vão projetar reconstrução de quase 400 km da malha viária do Estado

Iniciativa é financiada pelo Fundo para o Desenvolvimento da Pecuária em Goiás (Fundepec-Goiás), em parceria com a Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), que investirá R$ 5 milhões no empreendimento. Fotos: Vinícius Schimidt

O vice-governador Lincoln Tejota assinou, nesta segunda-feira (18/01), o contrato com cinco empresas especializadas em engenharia de tráfego que serão responsáveis por projetar a reconstrução de 396 quilômetros de rodovias e a construção de 144 metros de pontes de concreto. A iniciativa se concretizou após assinatura de termo de cooperação com o Fundo para Desenvolvimento da Pecuária em Goiás (Fundepec-Goiás), que investiu R$ 5 milhões para a elaboração dos projetos técnicos. Tejota representou o governador, que estava em Anápolis e onde vacinou a primeira goiana contra a Covid-19, no evento.

A verba foi viabilizada pela Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) e os projetos de engenharia serão doados para a Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra). O objetivo é dar celeridade nos processos de execução das obras. As reconstruções das rodovias vão custar aproximadamente R$ 539,1 milhões. Já para as construções de pontes, o aporte é de R$ 3,8 milhões.

O vice-governador Lincoln Tejota falou sobre a importância de o poder público estar aberto a parcerias com o setor produtivo. “O crescimento que nosso país precisa ver, que nosso Estado aguarda, vai sair da união. Quem ganha é a população, o produtor, que sabe que vai ter condições de fazer sua colheita, transportar seu animal com eficiência, gerando empregos. Isso muda a vida das pessoas”, destacou.

Para o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Carlos Neto, a parceria tem papel determinante para o desenvolvimento do setor. “Isso proporcionará ganhos e benefícios e nós temos participado ativamente com todo empenho para colher esses bons resultados que virão pela frente”, afirmou.

Já o presidente da Goinfra, Pedro Sales, reforçou que esse tipo de iniciativa ajuda o Estado a entregar as obras de infraestrutura com mais rapidez. “A maior contribuição que o setor privado pode nos dar, neste momento, é o financiamento dos projetos executivos de engenharia, porque ele elimina uma licitação que consumiria um tempo enorme”, explicou.

Sales ainda informou que uma das prioridades da agência para este e para o próximo ano são a pavimentação e recuperação da malha viária no Estado. A meta é fazer de Goiás também referência em rodovias e pontes.

Vice-governador Lincoln Tejota assina termo de cooperação com setor produtivo rural e construtoras: parceria agiliza reconstrução de quase 400 km da malha viária do Estado.


GOs
Na programação decorrente do acordo serão contempladas a duplicação da GO-020, entre Bela Vista e Cristianópolis; as pavimentações da GO-132, entre Niquelândia e Colinas do Sul; GO-221, de Doverlândia ao trevo da GO-194; GO-341, entre a BR-364 e o trevo da GO-465; GO-156, de Vila Sertaneja a Uirapuru; e GO-454, do entroncamento da GO-164 à divisa com o Mato Grosso.

O termo de cooperação prevê ainda a restauração das rodovias GO-142, de Formoso, Montividiu e Trombas; GO-184, de Aporé, Itumirim e o trevo para Cassilândia; e GO-174, do entroncamento da BR-070 a Montes Claros.

Já com a construção de pontes, serão beneficiadas a GO-341, sobre o Ribeirão Água Parada e o Córrego Dantas; além das estruturas de concreto na GO-465, sobre o Rio Rufino e outra sobre o Rio do Peixe; e na GO-336, sobre o Córrego Bandeirantes.

Agro
Presidente da Faeg, o deputado federal José Mário Schreiner agradeceu a confiança depositada no setor agropecuário. “Eu quero agradecer a cada um aqui pela confiança: o governador Ronaldo Caiado, que é o nosso parceiro e o nosso irmão; a Goinfra; as empresas. Quero pedir a vocês que nos ajudem nesses empreendimentos”, pontuou. Segundo Schreiner, os projetos serão de qualidade, exequíveis e com a agilidade necessária para o desenvolvimento.

De acordo com o presidente em exercício da Fundepec, Antônio Flávio Camilo de Lima, a contratação da iniciativa privada vai acelerar as obras. “Houve um entendimento por parte do conselho de que isso iria agregar ao Estado de Goiás, mas beneficiaria muito os pecuaristas que escoam a produção”, registrou.

Aplicativos
Durante o evento também foi lançado pela Faeg o aplicativo Rodopontes. Ele pretende auxiliar a Goinfra e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) na manutenção das rodovias que cortam Goiás. Qualquer cidadão vai poder fotografar e informar ao órgão responsável a condição da via em que estiver transitando, o que vai agilizar o trabalho de reparação.

Segundo o presidente da Goinfra, a agência trabalha para lançar nas próximas semanas outro aplicativo, que também vai permitir que os mais de 7 milhões de goianos sejam os fiscais das rodovias estaduais.

Estiveram presentes no evento de assinatura do contrato o presidente da Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA), Eurico Velasco; o vice-presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Luiz Sampaio; o superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Dirceu Borges; o vice-presidente administrativo da Faeg, Ailton Vilela; os prefeitos Franc Vaz (Palminópolis), Odair do Odélio (Bom Jardim) e Wilson Tavares (Gameleira); os representantes de construtoras Rodrigo Carvalho (RCM), Antônio Alberto (Basitec), Rodrigo Nascimento (ONA), André Marcos (Latitude) e José Ilídio (Rudra).

VEJA TAMBÉM

SIGA NAS REDES

2,837FansLike
1,019FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

PUBLICIDADE

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img