segunda-feira - 14/06/2021
spot_img

Araporã, Água Limpa e Panamá têm maior gasto per capita em saúde

O Conselho Federal de Medicina (CFM) divulgou levantamento com base em dados do Sistema de Informações sobre os Orçamentos Públicos em Saúde (Siops), do Ministério da Saúde sobre as contas de saúde de todos os 5.570 municípios brasileiros e detectou que cerca de 2.800 municípios brasileiros gastaram menos de R$ 403,37 na saúde de cada habitante durante todo o ano de 2017. Segundo a análise do Conselho Federal de Medicina (CFM) sobre as contas da saúde, esse foi o valor médio aplicado pelos gestores municipais com recursos próprios em Ações e Serviços Públicos de Saúde (ASPS). O valor de saúde per capita é obtido com a divisão dos recursos aplicados pelo município pelo número de habitantes.
O levantamento mostra que na Região Sul de Goiás e parte do Triângulo Mineiro, as cidades com maior investimento per capita em Saúde são Araporã, com R$ 1.147,94 Água Limpa (R$ 1.067,62) e Panamá (R$ 1.037,32). Na outra ponta, as cidades que menos investiram em saúde são Buriti Alegre, com R$ 363,72 por habitante e Itumbiara, que aplicou apenas R$ 335,53. Os dados são relativos ao ano de 2017, primeiro ano de gestão dos atuais prefeitos.
O gasto per capita indica que Araporã aplica quase quatro vezes mais que Itumbiara na área de saúde, o mesmo ocorrendo com Água Limpa, Panamá e Aloândia. Itumbiara ficou abaixo da média nacional de R$ 403,37.

VEJA TAMBÉM

SIGA NAS REDES

2,837FansLike
1,019FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

PUBLICIDADE

spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img