Após agredir e manter namorada em cárcere por dois dias, homem é preso – Plural Notícias

Após agredir e manter namorada em cárcere por dois dias, homem é preso

A Polícia Civil de Caldas Novas, por meio da Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher – DEAM, na manhã dessa terça-feira, 22/01/2019, prendeu Eduardo Henrique Fernandes, 26 anos, pela prática dos crimes de lesão corporal e cárcere privado praticados no âmbito da lei Maria da Penha contra sua namorada, Liliany Moraes Rosa de Lima.

A vítima procurou a Delegacia da Mulher após ser brutalmente espancada pelo namorado, relatando que havia sido mantida trancada no interior da casa do autor e agredida durante dois dias.

Aproveitando-se de uma distração do agressor, Liliany conseguiu fugir do cativeiro, entretanto, Eduardo percebeu e correu atras da vítima, alcançando a namorada, que foi agredida novamente em plena via pública.

Uma mulher que passava de carro pelo local socorreu Liliany, resgatando a vítima, que foi levada até um local seguro, longe do agressor.

Eduardo fugiu das imediações após o ocorrido e não foi encontrado pela polícia durante as buscas.

Liliany procurou a DEAM e relatou detalhadamente os fatos. A vítima apresentava lesões na face e membros superiores. Ela representou por medidas protetivas de urgência, deferidas pelo juízo local.

A Polícia Civil representou pela prisão preventiva do suspeito, cujo mandado foi cumprido na data de hoje. Eduardo foi encaminhado ao presídio de Caldas Novas onde se encontra à disposição da justiça. Condenado, poderá pegar até 6 anos de reclusão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *