segunda-feira - 17/05/2021
spot_img

Agehab cadastra famílias da Vila Mutirão, em Itumbiara, para escriturar imóveis

Cadastradores da Agência visitam, até sexta-feira (22/1), domicílios do bairro para levantar documentação e informações de moradores. Serão regularizados 161 imóveis de propriedade do Estado na Vila Mutirão, criada há 38 anos. Determinação do governador Ronaldo Caiado é para Agehab avançar com programa em todas as regiões de Goiás, para cumprir meta de 15 mil escrituras até final de 2022. Fotos: Iran Pereira Alves

Equipes da Agência Goiana de Habitação (Agehab) já estão em Itumbiara, realizando cadastramento de famílias para a regularização de 161 imóveis da Vila Mutirão, em cumprimento à determinação do governador Ronaldo Caiado de avançar com o programa em todas as regiões do Estado.

Duas equipes fazem o trabalho de campo, de casa em casa, numa das fases mais importantes do processo de legalização do bairro, que é o levantamento da documentação e de informações sobre os moradores. A abertura oficial aconteceu na terça-feira (20/01), no município, na presença dos diretores da Agehab, Valderi Borges, Lindomar Menezes e Lucas Gouveia, que representou o presidente da Agência, Lucas Fernandes, além de autoridades e lideranças do município.

Uma das primeiras famílias cadastradas pela equipe da Agehab foi a do casal de aposentados Iracema Alexandre e Damião Galdino de Lima, que chegou à Vila Mutirão em 1985. Casados há 38 anos, eles criaram os cinco filhos no bairro, e há 36 anos aguardam com ansiedade pela escritura.

Eles receberam os cadastrados da Agehab com muita alegria. “A melhor coisa que vai acontecer na minha vida é receber a escritura da minha casa. Com fé em Deus, vai chegar. Uma casa sem escritura não é da gente. Tendo a escritura na mão podemos conseguir um empréstimo. É uma garantia que eu tenho e que posso passar para alguém”, comemorou Iracema Alexandre, após assinar a ficha de cadastro.

Avançar com o programa de regularização fundiária é uma prioridade da Agehab estabelecida pelo governador Ronaldo Caiado. Desde o início da atual gestão, foram retomados cadastramentos e levantamentos topográficos em diversas regiões do Estado. Segundo o presidente Lucas Fernandes, a meta é escriturar 15 mil imóveis até o final de 2022.

Em Itumbiara, a equipe deve encerrar o cadastramento até sexta-feira (22/01). A partir do cadastramento, a equipe técnica da Agehab abre o processo de regularização dos imóveis que cumpre várias etapas até o envio da escritura para registro em cartório. Somente depois de cumprido todo o rito, as escrituras registradas são entregues às famílias pelo Governo de Goiás. A expectativa é de que as escrituras de Itumbiara fiquem prontas ainda este ano.

Já foram entregues, desde 2019, quase 3 mil escrituras, que são registradas em cartório e sem qualquer custo para as famílias beneficiadas. O programa de regularização fundiária urbana do Estado beneficia famílias com renda de até seis salários mínimos, de acordo com a nova lei de regularização fundiária do Estado, sancionada este ano pelo governador Ronaldo Caiado, com vistas a desburocratizar o processo e ampliar o atendimento às famílias de interesse social.

VEJA TAMBÉM

SIGA NAS REDES

2,820FansLike
1,019FollowersFollow
0SubscribersSubscribe

PUBLICIDADE

spot_img
spot_img
spot_img